Blogagem Coletiva - Minhas Impressões

segunda-feira, 20 de setembro de 2010


Eu nunca havia participado de uma blogagem coletiva, nem tinha certeza de que estava fazendo o certo. Mas depois de pronto adorei!

Fiquei super empolgada em ver 4 comentários (por enquanto!) no meu “postinho” e comentários elogiosos! Ê vaidade! Eu sou muito “na minha”  mas no fundo no fundo quero chamar a atenção, gosto de elogios, gosto que prestem atenção no que falo e que penso.

Creio que pouquíssimas pessoas entrem aqui, e por isto a preguiça de manter o blog atualizado. Olha a vontade de aparecer de novo! Aff! Creiam, humildade não é o melhor de mim!

E eu sou curiosa, mas curiosa mesmo! Então não via a hora de descobrir se alguém leu, se alguém comentou, se gostou.... mas queria saber como os outros blogueiros estavam contando o melhor deles.

E foi aí que me deparei com um tema recorrente que me intrigou. A dificuldade de falar de si, falar bem de si! Sem medo de errar, dos 150 participantes, 2 ou 3 não manifestaram esta dificuldade.

Isto me surpreendeu! Conheço um pouquinho da natureza humana (olha a presunção aí, gente!) e sei que no mundo há gente de todo o tipo. Na Web mais tipos ainda, porque aqui a facilidade de representar um papel é muito grande! Adaptando um dito popular: html aceita tudo!

Não estou dizendo que todo mundo anda fazendo tipo de bonzinho. Não! Apesar de ser bem desconfiada quanto ao ser humano, eu tenho uma tendência em crer em tudo que me dizem, pelo menos num primeiro momento. Coerência não é o melhor de mim? Opa! Essa nem eu tinha conhecimento

Partindo do princípio que todas as pessoas me pareceram sinceras, porque todo mundo tem problemas em reconhecer suas qualidades? Será que somos modestos mesmo? Fomos criados para “abafar” o nosso melhor? Não sei se isto porque na vida real, no olho no olho, vejo muita gente confiante por aí. Ou o difícil é ficar cara a cara com nossos defeitos e vermos que são maiores do que gostaríamos? Será que é problema de autoestima mesmo (alguém me corrija na nova gramática por favor! Sô velha, gente!)? Faz algum sentido, já que vivemos a era dos problemas emocionais...... Ou na verdade queremos é parecer bonzinhos mesmo, nos apresentando de modestos?

Penso que todos nós desejamos ser apreciados, admirados. Mesmo que às vezes a gente bata o pé que não se importa com a opinião alheia. Será que por isto tenhamos medo de nos expor? Medo de que o outro não nos ache tão bacana, quanto esperavamos que achassem?

Eu não estou dizendo que seja uma coisa ou outra, porque eu também não sei! Mas me intrigou! E achei interessante partilhar, e quem sabe descobrir com o outro possíveis respostas.

Se alguém entendeu que eu estou sendo ofensiva, por favor não me taque tomates! Os tomates estão caros e em tempos de vida dura, não vale a pena se stressar brigando com duas borboletas (minha imagem de perfil).

3 comentários:

::::FER:::: disse...

retribuindo visita....


:::FER:::

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Certamente que NÃO somos modestos. E certamente que nossa confiança de que somos maravilhosos, lindos e deliciosos é tão fraca quanto um fio de cabelo que segura uma geladeira. Por isso não nos expomos. Temos o medo de receber a primeira pedrada, nossa vaidade nos segura e nos protege.

Ao se expor negativamente, o que mais se ouve é: imagina, vc é uma graça, é lindo, é não sei o que. Então, ao se expor negativamente atraímos a apreciação positiva que tanto queremos.

Eu avalieu seu post de maneira bem positiva. Eu gostei do jeito que vc escreveu na blogagem coletiva. E fui sincero, já que vou ajudar a escolher os melhores textos. Portanto, pelo menos de minha opinião, o que está escrito ali foi o que eu achei rs.

E se der vontade, escreva, independente de ser lida ou não. Faz bem, alivia muita coisa.
bom dia

Valéria Russo disse...

oi..
eu adorei teu texto.
claro que gostamos de falar de nós mesmos, mas as vezes isso é dificil, podemos parecer presunssosos??? sou velha tb..kkkkk
mas é bom conhecer pessoas e acreditar no ser humano até que este prove o contrário, este é meu lema e parece ser o teu tb.
adorei.
bjuivos no seu coração.
loba.